logo secundária

Programação da Etapa Nacional da 15ª Conferência Nacional de Saúde é divulgada

A programação da Etapa Nacional da 15ª Conferência Nacional de Saúde está sendo divulgada nesta segunda-feira (23.10).

O credenciamento deve começar às 8h00 de 1º de dezembro e pela manhã serão abertas as tendas de cuidados, atividades paralelas, exposições e ações culturais. Às 14h00 será iniciado um ato público, com concentração na catedral, seguida de marcha e concentração final em frente ao Congresso Nacional. Neste ato será celebrada a criação da Frente em Defesa do SUS, que reúne a sociedade civil em torno da bandeira de fortalecer o SUS, do ponto de vista de oferta de serviços e criar novas fontes de financiamento. Às 18h00 será a cerimônia de Abertura, no Centro de Convenções Ulisses Guimaraes.
Na manhã do segundo dia, está prevista uma mesa para debater, das 8h30 às 10h00, o eixo transversal “Reformas democráticas e populares do Estado”. Na sequencia, das 10h30 às 12h30, haverá mesas simultâneas sobre os sete eixos temáticos, que são: “Direito à saúde, garantia de acesso e atenção de qualidade”; “Participação e controle social”; “Valorização do trabalho e da educação em saúde”; “Financiamento do SUS e relacionamento público-privado”; “Gestão do SUS e modelos de atenção à saúde”; “Informação, educação e política de comunicação do SUS” e “Ciência, tecnologia e inovação no SUS”. À tarde, as delegadas e delegados serão divididos em 28 Grupos de Trabalho, para deliberar sobre as cerca de mil propostas definidas nas etapas anteriores.
No dia 3 de dezembro continuam os trabalhos dos 28 Grupos, sobre as cerca de mil propostas definidas nas etapas anteriores. No dia 4 será a Plenária Final e encerramento da Conferência.

Veja a íntegra da programação:

1º DE DEZEMBRO – TERÇA
9h00 às 18h00 – Credenciamento
10h00 às 12h00 – Atividades Autogestionadas
14h00 – Marcha em Defesa do SUS, com concentração na Catedral, seguida de Caminhada.
16h30 – Ato em Defesa do SUS, em frente ao Congresso Nacional.
19h00 — Cerimônia de Abertura, no Centro de Convenções Ulisses Guimaraes.

2 DE DEZEMBRO – QUARTA
9h00 às 14h00 – Credenciamento
8h00 às 10h00 – Mesa de ABERTURA “Reformas Democráticas e Defesa do SUS”
local: Auditório PRINCIPAL (Sala 1)
Marcelo Castro – Ministro de Estado da Saúde
Jandira Feghali – Deputada Federal (PC do B/RJ)
Marcio Pochmann – Fundação Perseu Abramo

10h30 às 12h30 DIÁLOGOS TEMÁTICOS
1 – DEMOCRACIA , PARTICIPAÇÃO E COMUNICAÇÃO PARA O SUS –
local: – Sala 2 Maria do Socorro de Souza –Presidenta do Conselho Nacional de Saúde Marcelo Lavenere – OAB/Comissão de Justiça e Paz da CNBB
Altamiro Borges – Centro de Estudos da Mídia Alternativa Barão de Itararé
2 – VALORIZAÇÃO DO TRABALHO E FORMAÇÃO NO SUS
Local: Sala Sala 3
Naomar de Almeida Filho – Reitor da UFSB
Maria Helena Machado –Pesquisadora da Fundação Oswaldo Cruz – Fiocruz Heider Aurélio Pinto – Secretário de Gestão do Trabalho em Saúde do Ministério da Saúde – SGETS/MS

3 – DIREITO À SAÚDE: ACESSO COM QUALIDADE E EQUIDADE PARA CUIDAR BEM DAS PESSOAS
local: Auditório – Principal (Sala 1)

Érica Kokay – Deputada Federal (PT/DF)
Carlos Ferrari – Conselheiro Nacional de Saúde Emerson Merhy – Professor Titular da UFRJ

4 – DIREITO UNIVERSAL À SAÚDE, FINANCIAMENTO E RELAÇÃO PÚBLICO/PRIVADO
local: Sala Sala 4
Jurandi Frutuoso – Conselho Nacional de Secretarias Estaduais de Saúde – Conass
Ronald Ferreira dos Santos – Conselheiro Nacional de Saúde Mauro Junqueira – Presidente do Conselho Nacional de Secretarias Municipais de Saúde – Conasems

5 – CIÊNCIA, TECNOLOGIA E INOVAÇÃO NO SUS
local : Sala Sala 5
Paulo Gadelha – Presidente da Fundação Oswaldo Cruz – Fiocruz
Norberto Rech – Professor da UFSC
Joaquín Molina – Representante da OPAS no Brasil

6 – GESTÃO DO SUS E OS MODELOS DE ATENÇÃO À SAÚDE
local: Sala 6
Gastão Wagner de Sousa Campos – Presidente da Abrasco
Fausto Pereira dos Santos – Secretário Estadual de Saúde de MG Lenyr Santos – Secretária de Gestão Estratégica e Participativa do Ministério da Saúde

12h00 – Almoço / Atividades Culturais
14H00 – GRUPOS DE TRABALHO

I – Direito à Saúde, Garantia de Acesso e Atenção de Qualidade ( Salas 1, 8, 9 e 10)
II – Participação social ( Salas 2, 11, 12 e 13)
III – Valorização do trabalho e da educação em saúde ( Salas 3, 14, 15 e 16) IV – Financiamento do SUS e Relação Público-Privado ( Salas 4, 17, 18 e 19) )
V – Gestão do SUS e Modelos de Atenção à Saúde ( Salas 5, 20, 21 e22)
VI – Informação, Educação e Política de Comunicação do SUS ( Salas 6, 23, 24 e 25)
VII – Ciência, Tecnologia e Inovação no SUS (Salas 7, 26, 27 e 28)
TODAS AS SALAS, TODOS OS GRUPOS: Reformas democráticas e populares do Estado (Eixo Transversal)
19h00 – Jantar / Atividades Culturais
3 DE DEZEMBRO – QUINTA

8h00 – Grupos de Trabalho
12h00 – Almoço / Atividades Culturais
14h00 – Grupos de Trabalho
18h00 – Abertura da Plenária Final
19h30 – Jantar
4 DE DEZEMBRO – SEXTA
8h30 – Plenária Final
12h00 – Almoço / Atividades Culturais
14h00 – Plenária Final
18h00 – Encerramento da Conferência

25 comentários sobre “Programação da Etapa Nacional da 15ª Conferência Nacional de Saúde é divulgada

  1. Vejo todo ano ser feitas Conferências de Saúde mais nada muda na Saúde dos Brasileiros, só se gastão uma fortuna com esses eventos para resolver o que para quem realmente precisa de um atendimento decente no Rio de Janeiro.quanto é gasto em cada evento desse.

  2. Sou Enfermeira Sanitarista, Presidente ABEn Alagoas e docente na Enfermagem/UFAL, mas especialmente cidada e sujeito de direitos, membro do Forum Alagoano em Defesa do SUS e Contra a Privatizacao da Saude. Participei aqui no Estado de Alagoas de todas as etapas para esta Conferencia inclusive como membro da Comissao de Temas e Relatoria Estadual. Portanto, registro meu profundo sentimento de preocupacao face a configuracao dos palestrantes pois me parece passar ao largo das necessidades do debate e proposicoes necessarias para defesa e efetvacao do SUS. E preciso compromisso firme com o SUS- seus principios doutrinarios e organizativos para nao mais submeter o povo brasileiro a migalhas negando-lhes e retirando direitos duramente conquistados sob a desculpa de que no cenario e contexto atual o que se pode fazer e isso. O gosto apelativo da escolha pelo aprofundamento do modelo biologicista, medicalocentrico, hospitalocentrico e privatista historicamente vem submetendo as pessoas a sofrimentos desnecessarios tanto nos servicos publicos quanto nos servicos privados. Mas, a 15a CNS em sua etapa Nacional ainda pode ser promissoramente diferente se aquel@s escolhid@s para fazer a abordagem dos temas/eixos e deliberacoes abrirem mentes e coracoes a de fato e inevitavelmente fazerem a defesa do SUS em opsicao a oferecerem (re)arranjos para o SUS. AbraSUS.

  3. Sou Enfermeira Sanitarista, Presidente ABEn Alagoas e docente na Enfermagem/UFAL, mas especialmente cidada e sujeito de direitos, membro do Forum Alagoano em Defesa do SUS e Ckntra a Privatizacao da Saude. Participei aqui no Estado de Alagoas de todas as etapas para esta Conferencia inclusive como membro da Clmissao de Temas e Relatoria. Portanto, registro meu profundo sentimento de que a escolha e decisao sobre a composicao dos palesyrantes passa ao largo das necessidades do verdadeiro debate e proposicoes para defesa e efetvacao do SUS. Chega de submetef o povo brasileiro a migalhas negando-lhes e retirando direitos duramente conquistados sob a desculpa de que

  4. SOU DELEGADO MEMBRO DO CONSELHO MUNICIPAL DA CIDADE DE JAGUARARI REPRESENTANDO A CLASSE TRABALHADORA, A MINHA DUVIDA É A SEGUINTE: ONDE FICARÃO HOSPEDADOS OS DELEGADOS NÃO RECEBI NENHUMA INFORMAÇÃO REFERENTE A ISSO.
    É O MINISTÉRIO DA SAUDE QUE VAI CUSTEAR MINHAS DESPESAS OU O MEU MUNICÍPIO?
    OBRIGADO

  5. Estarei na Conferência Nacional como participante livre e gostaria de saber se tenho como participar também dos grupos de discussões e da plenária final apenas como ouvinte?! Sou da Bahia estou custeando todas ad.minhas despesas pois quero muito fazer parte dessa Conferência por entender que é um momento único de consolidação e fortalecimento do SUS diante da atual conjuntura política social e econômica.

  6. O Estado do Pará também estará presente, sou do município de Santana do Araguaia – PA e irei com a delegação do meu estado, vamos lutar por um SUS melhor.

  7. Sou de Ubatuba litoral norte de São Paulo. Eleita Delegada na Conferência Estadual de Saúde rumo Nacional, estou muito feliz em participar, porque essa luta para todos nós é muito importante e incansável lutar por um SUS de qualidade para que todos tenham acesso com dignidade .

  8. Vamos todos e todas juntos em defesa da saude publica de qualidade
    não a terceirização faz mau a saúde, pela reforma politica, o SUS é politica publica de Estado não de governo

  9. Por favor, gostaria de saber se a Conferência Nacional será aberta à participação de profissionais de saúde ou apenas a delegados eleitos nas estaduais. Obrigado.

    1. a etapa de inscrição de convidados já foi concluída. portanto não será mais possível nenhum cadastro a não ser que a pessoa seja delegado- suplente. Nesse caso, o titular deve ter liberado a vaga. abraço

  10. Estarei lá, representando o Estado de São Paulo, Região de Sorocaba, Cidade de Angatuba- Estarei como representante dos Usuários por Entidade: Sindicato dos Trabalhadores e Empregados Rurais de Angatuba.
    Até lá.

    Abraços a todos os companheiros.

  11. Ceará estará presente com uma representatividade de 120 delegados, distribuídos entre os segmentos, para juntos, discutirmos os rumos do nosso SUS!

  12. Em busca de investimento, qualidade e equidade, vamos discutir nosso SUS.
    Os colegas médicos veterinários, por favor, se identifiquem, para tentarmos articular um encontro de nossa classe em Brasília.
    Erivelto – São Paulo

  13. Boa tarde! Fui eleito delegado na Conferencia Estadual de Saude de Goias pela entidade FGCPS – Frente Goiana Contra a Privatizaçao da Saude para a 15 CNS. Ate o presente momento nao obtive nenhum contato por parte dos responsaveis. Como devo me proceder?
    Grato,
    Jilvani Farias dos Santos

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *